Os 2 Gigantes.


De um lado Golias, soldado filisteu de mais ou menos 2,47 metros de altura, guerreiro, homem valente, experimentado na guerra, armado até os “dentes” e vestido com toda a armadura, sedento por briga. Do outro lado Davi, um jovem de aproximadamente 1,60 metros de altura, 16 anos, pastor de ovelhas, filho mais novo da casa de seu pai, suas armas eram cinco pedras e uma funda, sedento por honrar a Deus e eliminar toda zombaria contra o nome do Deus vivo.
Olhando humanamente enxergamos a luta de um gigante contra um adolescente, mas a bíblia diz; “que as coisas espirituais se discernem espiritualmente”, e espiritualmente olhando vemos a luta de 2 Gigantes. De um lado o gigante Golias, lutando carnalmente,confiando em suas armas naturais como a espada, o escudo,capacete,couraça,e buscando a glória para si esperando aplausos e reconhecimento humano. Enquanto de outro lado estava o gigante Davi, não lutando em causa própria e nem com força própria, estava indo enfrentar Golias em nome do Senhor dos Exércitos, sua confiança não estava no armamento humano e nem em experiências humanas, a confiança de Davi estava totalmente em Deus, Davi era um gigante no Reino Espiritual, tinha credibilidade diante de Deus e confiava plenamente que a Salvação vem de Deus,quando chegou até Golias lhe disse: - “Venho em nome do Senhor dos Exércitos”.
Todos os dias enfrentamos lutas, sofremos afrontas, somos desafiados a deixar nossa posição e lutar. Lutar esta correto, pois não podemos nos deixar intimidar, mas a pergunta é: Como você tem lutado? Com as armas de Golias, armas carnais ou com as armas de Davi, armas espirituais. Pois a arma que você usar determinará se você é um gigante carnal ou um gigante espiritual.


“porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, depois de terdes vencido tudo, permanecer inabaláveis. Efésios 6.12-13


Pr. Alexandre Grego

Nenhum comentário: